Novos começos

Recomeçar com humildade, dependência em Deus e reconhecer que somos pecadores a trabalhar com pecadores. Começando com esta premissa, sabemos que vai ser difícil e que o maior esforço começa no interior de cada um. Depois de reconhecidas que expectativas elevadas só podem ser traçadas debaixo da graça de Deus – e não nas nossas forças – sabemos que temos tudo para “correr bem”. Porque quando sentimos que está a “correr mal”, é quando Deus usa para nos fazer crescer, moldar, corrigir. Como diz a Bíblia, todas as coisas concorrem para “o bem” daqueles que amam a Deus. É só redefinir “correr bem” e corre mesmo bem.